Meio ambiente e sustentabilidade

Considerando que em Bayeux a população direta ou indiretamente tem uma relação estreita com os manguezais, porque uma parcela vive as margens do rio e a outra vive e sofre a influência dele e quase toda a atividade econômica do município tem um vinculo mais negativo do que positivo com o ecossistema manguezal(rio, mangue e população tradicional: pescadores, marisqueiras, catadores de caranguejo). Pelo que registra uma quantidade significativa de despejo de resíduos químico-industriais e esgotos domésticos nos mangues, em conseqüência das atividades industriais, comerciais e de ocupação habitacional, contribui de forma significativa para a eutrofização do ambiente, que é o aumento desordenado de nutrientes, ocorrendo uma enorme quantidade de mortes e decaimento de matéria orgânica, com consumo exagerado de oxigênio, provocando um colapso na rede alimentar de todo o ecossistema. Acrescentam-se aos impactos antrópicos indiretos causadores da degradação crescente do manguezal: a exploração imobiliária, notadamente a “puxadinha” da moradia para o terreno do mangue; o desmatamento para exploração da madeira ao nível comercial e de subsistência da população pobre que se refugia nos mangues; o plantio de cana-de-açúcar, notadamente próximo a Santa Rita, e, recentemente, o impacto ambiental direto das construções irregulares de viveiros para o cultivo de camarão. A supressão de áreas de manguezal, para a instalação de fazendas de camarões, conhecidas como carcinicultura, está concentrada mais na região Nordeste.

TAGS:

  • Criação do Parque dos Manguezais e o Parque Municipal do Xem-Xem.
  • Criação do projeto “ Manguezal: Estuário da Vida”, Atuar em parceria com a comunidade, associações de moradores e pescadores ministrar palestras nas escolas destacando temas relacionados ao meio ambiente que afetam diretamente a população;
  • Ampliar e implantar a Educação ambiental nas escolas municipais;
  • Implementação da coleta seletiva do lixo da cidade;
  • Unidade de coletas de lixo eletrônico;
  • Construção de uma unidade de reciclagem para comunidades de baixa renda em forma associativa e cooperativa;
  • Dotar de infrainstrura o Parque Municipal do Xem-Xem, com possibilidade de lazer, guarda municipal ambiental, ecoturismo
  • Promover ações de fiscalizações ambientais : atuar em parceria com diversas secretarias e órgãos dos municípios vizinhos do estado da Paraíba;
  •  
  • Fortalecer o processo de licenciamento ambiental nos órgãos de fiscalização do município
  • Construção de uma base ambiental da guarda municipal na mata do xexém;
  • Criar um Plano de recuperação das matas ciliares e de mata
  • Criação em Bayeux o primeiro  viveiro de mudas de arvores.
  • Implementação de Energia solar de forma gradativa nos prédios públicos
  • Atuar de forma educativa na sociedade a importância da reutilização da água.
  • Fiscalização de forma permanente os ambientes com proteção permanente no município.
  • Fortalecimento do conselho municipal do meio ambiente
  • Arborização da cidade de forma gradativa, como forma de estabelecer uma melhor qualidade de vida aos habitantes.
  • Incentivar a agricultura orgânica para as mulheres;
  • Incentivar a pesca nas comunidades ribeirinhas e parceria com as colônias de pescadores da cidade.;
  • Implantar o programa Cidade Limpa; melhorando a coleta de lixo, valorizando os catadores e implantando a coleta seletiva de forma gradativa;
  • Implantação do Centro de Zoonoses de Bayeux;

Comitê Central 19

Conheça a localização exata do comitê central de Berg Lima 19